COOPAVEL ALIMENTOS

14 de julho de 2009

TÚNEL DO TEMPO

Ontem, só criticava.

Hoje, é só elogios.

video

Lula; “é importante
ser leal a Sarney”

Quem assistir ao vídeo acima e ler hoje as últimas noticias sobre a crise no senado federal deverá ficar no mínimo perdido no tempo e no espaço. O presidente Lula, durante reunião ministerial realizada ontem (13), na Granja do Torto, pediu aos ministros que engrossem o coro de apoio ao presidente do senado, José Sarney (PMDB-AP), para jogar água na fervura da crise política, garantindo assim a governabilidade e evitando que a turbulência contamine a eleição de 2.010. "É importante ser leal a Sarney porque há uma campanha pesada contra ele e não se pode individualizar as acusações", afirmou o presidente Lula. Para ele, os ministros indicados por partidos "têm de estar alinhados com suas bancadas" na defesa do presidente do Senado. "Precisamos partir para a ofensiva. Assim revertemos rapidamente esse quadro", defendeu.

IRONIA

Em tom irônico, o presidente afirmou que, além de comemorar a atual crise no Senado, a oposição também teve "seus 15 minutos de glória" em outros dois momentos: no episódio do mensalão, em 2005, e na derrota do governo na votação da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF), em 2007. Em seu diagnóstico, porém, isso só ocorreu porque os aliados ficaram na defensiva. A avaliação do governo é de que Sarney agiu bem ao anunciar a anulação de 663 atos secretos do Senado, que continham a nomeação de parentes e aliados do senador. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Um comentário:

  1. Lula interpreta muito bem o papel de bôbo da côrte. Mais da metade do que fala é besteira.
    É trágico. Na falta de programas humorísticos a imprensa põe o Lula.
    Ja pensou se este país bem administrado, o que poderia ser?

    ResponderExcluir