COOPAVEL ALIMENTOS

30 de novembro de 2010

ELEIÇÕES 2012 - JÁ COMEÇOU

QUEM MANDA NO PDT
E nos próximos dias será definido quem mandará no PDT do Paraná nos próximos anos. A disputa interna - já que não haverá eleição - está entre o prefeito de Londrina Homero Barbosa Neto, o deputado não reeleito Neivo Beraldin e o deputado estadual reeleito Augustinho Zuchi. Ter o PDT nas mãos facilita a vida do presidente. É por isso que Barbosa Neto sonha tanto com a função. Como a relação dele com o senador Osmar Dias não anda essas coisas e ainda há a mágoa de Beraldin que investiu muito tempo em Londrina, mas fez uma merreca de votos na cidade, a disputa vai ser interessante.
(Blog Paçoca com Cebola).  


QUEM MANDA
Manda quem pode, obedece quem tem juízo. Em Cascavel os pedetistas andam com as barbas de molho. Depois da derrota de Osmar Dias para o governo e o apoio “chapa-branca”, os principais prefeitos do PDT caíram em desgraça, inclusive Edgar. Dizem a boca pequena que o prefeito de Cascavel já iniciou namoro com o PMDB de Walter Parcianello e Frangão e pode estar de muda.



CANDIDATOS
Ainda não se sabe ao certo quais serão os candidatos a prefeito em 2012. A única certeza é de que o prefeito Edgar Bueno será candidato a reeleição. Edgar já começou inclusive a convidar possíveis vices para a sua chapa. Teria sondado Renato Silva e ao mesmo tempo o popular apresentador de TV, José Roberto Netto. No entanto o seu alvo preferido é o irmão do deputado federal Hermes Frangão Parcianello, Walter Parcianello. Se conseguir, une o útil ao agradável. Ganha apoio do campeão de votos em Cascavel para deputado federal e ao mesmo tempo conquista passe para ingressar no PMDB que tem muito mais tempo de TV no programa eleitoral que os minguados 1,20 minutos do PDT.  

Um comentário:

  1. WANDERLEI DOS ANJOS30 de novembro de 2010 11:46

    Caso seja verdade, os irmãos Parcianello cairão em descrédito com a população e seus correligionários do PMDB, já que nos bastidores as agressões são mutuas e de conhecimento público. Apesar de não crer nisso, porém na política tudo é possivel. Se Parcianello e Bueno se unirem ficará claro que o interesse não é com o povo, mas sim o FISIOLOGISMO interesseiro onde um aproveita do outro para arrumar emprego para seus familiares. Volto a destacar: NÃO ACREDITO QUE ISSO VÁ ACONTECER!!! O FRANGÃO SE ENTREGAR PRO EDGAR!!!

    ResponderExcluir