COOPAVEL ALIMENTOS

27 de março de 2010

PAC 2

“É a mágica de transformar a ineficiência em promessa”. Essa é a avaliação do deputado federal Eduardo Sciarra (DEM/PR) sobre a intenção do governo federal de lançar o PAC 2, proposta que já se converteu em uma das principais bandeiras do PT nas próximas eleições.
Para o democrata, a segunda edição do programa segue o mesmo caminho do PAC 1 ao criar a ilusão de que muito vem sendo feito, quando na verdade o andamento das obras previstas no programa está muito aquém daquilo que foi planejado inicialmente. Como exemplo ele cita as obras de saneamento, onde somente 20% da meta projetada foi alcançada. “O lançamento barulhento do PAC é um engodo que tem como única finalidade promover a candidatura da ministra Dilma”, apontou.
Outro ponto preocupante, segundo Sciarra, é a sistemática adotada pelo governo de inflar os números do programa, maquiando balanços oficiais e reprogramando as metas estabelecidas inicialmente. Desta forma, uma obra atrasada em relação ao cronograma original é considerada em dia pelos novos critérios.
“O andamento insatisfatório do PAC só demonstra a falta de capacidade gerencial do atual governo.”, afirmou Sciarra.

Um comentário:

  1. hi.. just dropping by here... have a nice day! http://kantahanan.blogspot.com/

    ResponderExcluir